Custos Estratégicos e Custos Não Estratégicos

Tempo de leitura: 4 minutos

Jorge Paulo Lemann

jorge-paulo-lemann2-eal

Como diz o Custos Estratégicos

  • “O Lucro é o que atrai investidores, gente boa e oportunidades, mantendo a máquina rodando.”

Ao conseguir cortar R$ 100,00 de gastos, todo esse valor é acrescentado ao Lucro da Empresa.

Podemos afirmar sem medo de errar, que 99% de todos os negócios não tem uma boa gestão dos gastos e isso impacta diretamente a lucratividade.

Veja um exemplo e a importância do corte de gastos.

Todas as empresas que foram adquiridas pela Ambev no mundo todo, tiveram como um dos principais projetos, o corte de gastos.

Isso foi, é e sempre será um grande diferencial do homem mais rico do Brasil e admirado no mundo todo: Jorge Paulo Lemman.

Um dos seus Princípios de Gestão é:

  • “Ser paranoico com custos e despesas, que são as únicas variáveis sob nosso controle, ajuda a garantir a sobrevivência no longo prazo.“

CORTANDO OS CUSTOSCustos Estratégicos

Veja este exemplo:

  • Se seu negócio fatura 100 reais por mês e tem um gasto de 95,00 reais, ele tem o lucro de 5,00. 

Agora pense o seguinte: se fizer um corte de 6% nos gastos, o que é perfeitamente possível devido à ineficiência dos negócios no controle dos gastos.

O corte seria de 5,70 reais, portanto o novo patamar de gastos seria de 89,30. 

Veja bem e preste bastante atenção nisso: 

O lucro que era de 5,00 mensais passa a ser de 10,70 reais, ou seja, 

Dobrou o Lucro Focando Somente no Corte de Gastos. 

MENTALIDADE EMPRESARIAL

mentalidade-empresarial-eal-2

Uma das causas da péssima gestão de gastos, na grande maioria das empresas, está na Mentalidade dos Empreendedores.

Às vezes o tamanho, a estrutura inchada, salas luxuosas, privilégios extremos e por aí vai, são sinônimos de status e isso Infla o Ego do Empreendedor.

O grande problema disso é que essa mentalidade acaba tornando a cultura que impera na empresa e que consequentemente vai gerar ações e comportamentos baseados nela.

Os resultados de lucros alcançados em função dessa cultura, ações e comportamentos são simplesmente medíocres.

Consequência: Empreendedor Rico, ou aparentemente rico, e Empresa Pobre ou quase quebrada.

Para começar a reverter essa situação é necessário ter uma mudança na Mentalidade do Empreendedor e a mudança é a seguinte:

  • Todos os gastos a priori, são desnecessários, a menos que prove o contrário. 

Um Método para começar a fazer essa classificação e ver o que realmente é necessário e o que não é necessário, é a classificação de:

Custos Estratégicos e Custos NÃO Estratégicos

Custos Estratégicos é tudo aquilo que diretamente Gera Negócios e faz Aumentar os Lucros, como por exemplo, custo de vendedores, publicidade, marketing.

Custos NÃO Estratégicos são todos os outros. São aqueles custos necessários ao funcionamento da empresa, mas que não geram negócios de forma direta ou clara.

Todos os custos administrativos pertencem a esta categoria: gerentes, pessoal e material de escritório, aluguéis ou custo de imóveis, consultores, advogados, computadores, etc.

A função do empreendedor é garantir que as empresas gastem mais que os concorrentes em Custos Estratégicos e gaste esse dinheiro nos tempos bons e maus e que a empresa reduza ao mínimo possível os Custos Não Estratégicos.

Esses conceitos simples aplicado com Empenho e Determinação são mais poderosos que você possa imaginar.

Reduzir ao mínimo possível os custos não estratégicos requer o constante questionamento de todo custo não estratégico.

Exige pressupor que:

  • Todo custo é desnecessário até que se prove o contrário.

Geralmente as empresas possuem mais pessoas do que precisam, geram mais relatórios do que utilizam, ocupam mais espaço do que necessitam, enfim gastam muito mais do que é necessário e isso compromete completamente a lucratividade. 


COMO REDUZIR CUSTOS?reduzis-custos-eal-2

 Comece fazendo o seguinte:

  • Relacione todos os Custos e Despesas da Empresa. 
  • Classifique todos eles em Custos Estratégicos ou Custos Não Estratégicos 
  • A partir daí comece a Cortar todos os Custos NÃO Estratégicos.

Você vai ter o problema das pessoas reclamando, mas seja firme e assuma um pressuposto.

Deixe um ônus da prova a cargo dos que desejam justificar os custos, não dos que desejam eliminá-los.

Transforme isso na cultura da sua empresa você vai se surpreender com os resultados que irá alcançar.

  • Você vai ter uma Empresa Rica e também será Rico de Verdade. 

Se você tiver alguma dúvida sobre o que foi falado aqui você pode deixar o seu comentário aqui embaixo que iremos responder o mais rapidamente possível.

Se você gostou deste assunto Compartilhe com seus amigos e se você não gostou deixe também as suas observações, pois elas serão muito úteis.

Conte Sempre Conosco!

Um Grande Abraço

despedida_para_conteudo_artigos_blog-2

 

 

 

 

Você curtiu o artigo:Custos Estratégicos e Custos Não Estratégicos?

Deixe seu comentário: