Jovens Empreendedores

Tempo de leitura: 3 minutos

Jovens EmpreendedoresO Mundo dos Negócios está Cada Vez Mais Aberto para eles

Jovens Empreendedores – Hoje, existem linhas de crédito exclusivas para essa população e o governo continua investindo cada vez mais. A economia aposta no pensamento criativo, inovador e na ousadia dos jovens de encarar qualquer negócio com muita disposição e entusiasmo. Mas, por serem menos cautelosos que os adultos, eles costumam cair em algumas armadilhas e isso pode colocar tudo a perder.

Aproveite a estabilidade

Quando somos jovens empreendedores, normalmente, não temos uma casa e uma família para manter, então as responsabilidades e preocupações são muito menores. Se você mora na casa dos seus pais, não vai ter tanto medo de arriscar já que não vai ficar sem um teto sobre sua cabeça ou passar fome. Tudo ainda estará do mesmo jeito. Perder dinheiro nessa fase inicial é bastante comum, já que é justamente nela que se investe muito e lucra-se muito pouco.

“Sangue nos Olhos” dos Jovens Empreendedores

Essa é uma expressão bastante utilizada no mundo dos negócios quando se trata de jovens empreendedores. É que esse grupo costuma ser mais entusiasmados, empolgados e motivados quando estão com uma nova ideia para colocar em prática. É muito mais fácil passar essa sensação de motivação para conseguir investidores e colaboradores para o seu projeto. Quem conversa com esse jovem, fica mais seguro e convencido de que disposição para fazer o empreendimento crescer e alavancar não vai faltar.

Seja cauteloso

Os jovens empreendedores costumam se deixar levar pelo calor da emoção e acabam sendo displicentes e irresponsáveis com alguns detalhes que são muito importantes para o sucesso do negócio. Existem especialistas que afirmam: “o medo pode ser uma ferramenta valiosa para o empreendedor quando usado da maneira correta”. Essa sensação pode impedir que muitos erros sejam cometidos, pois o indivíduo passa a ser mais cauteloso nas suas ações. Mas, cuidado para não exagerar na dose e começar a “pisar em casca de ovos” com medo de arriscar na sua ideia, que pode se tornar um grande sucesso.

Estar informado

Negligenciar a opinião dos mais experientes não é uma atitude nada inteligente. Ouvir conselhos de quem já passou pelo mesmo caminho é uma ferramenta de extrema importância e que pode fazer você sair na frente de outros jovens empreendedores. Pesquise em sites, blogs, pesquise livros de autores renomados. Existem sites que de boas universidades que possuem cursos gratuitos na área como o site da Fundação Getúlio Vargas e outros. O Sebrae é um órgão que pode dar boas dicas para quem está entrando nesse mercado tão acirrado, e ainda por cima, fornece bons cursos e possuem pessoas que possam dar orientação.

Organize seu tempo

Nessa idade, existe uma coisa que pode atrapalhar o bom andamento do negócio se o jovem não for bem organizado: os estudos. Época de faculdade, onde há muitos novos amigos, novas festas e muito estudo. São provas para estudar, trabalhos para fazer e seminários para organizar. Tudo isso despende tempo e sacrifícios que podem atrapalhar a vida do novo empreendedor se ele não souber organizar o seu tempo de maneira adequada.

De olho nas oportunidades

Fique sempre atento às novidades que o mercado apresenta. Ter boa informação e de primeira mão deixa você sempre na frente da concorrência. É preciso também separar um tempo do seu dia para ler as notícias sobre negócios e não fazer feio na roda nos amigos quando o assunto empreendedorismo.

Um Grande Abraço

ateja

Deixe seu comentário: